Metodologias ativas no aprendizado: o que são?

Estamos acostumados a ver os professores na frente da salas de aula, passando informação e os alunos sentada, calados e apenas absorvendo tudo o que ele está vendo. Mas você já pensou como seria se metodologias ativas fossem aplicadas neste ambiente?


Para conquistar alunos mais engajados nesse processo de aprendizagem, existem algumas mudanças que precisam ser feitas e entender como aplicar essa metodologia nas salas de aula pode ser bem enriquecedor para todos os alunos.

Quer saber mais sobre essa metodologia? Continue lendo nosso texto.


O que são as metodologias ativas?

Quando falamos em metodologias ativas, supomos que existem aquelas que são passivas. E a partir do momento em que damos uma olhada para dentro das salas de aula, percebemos que são as próprias escolas colocam os alunos nesse lugar passivo.

Ao falar de metodologias ativas, nos referimos a mudanças que devem ser aplicadas no aprendizado dos alunos e na relação deles com a dos professores. Essa forma de ensinar consiste na utilização de mecanismos que façam com que os alunos se tornem mais ativos no seu processo de aprendizado e no ambiente escolar.

Quais as vantagens das metodologias ativas?

As metodologias ativas são destinadas para fazer com que os alunos se tenham a capacidade aprender e absorver os conteúdos de forma mais autônoma e participativa.

Para entender mais sobre o que a sua aplicação pode trazer de bom para os estudante, fizemos uma lista com algumas vantagens da sua aplicação:

  • aprimora as soft skills;

  • desenvolve a autonomia;

  • estimula o aluno a ser mais engajado;

  • fortalecimento da autonomia e autoconfiança;

  • incentiva o aluno a se tornar protagonista;

Incentivar os alunos a se tornarem ativos no aprendizado não é algo que beneficia apenas a convivência escolar. Essas habilidades que são desenvolvidas refletem na sua formação enquanto indivíduo.

Qual o papel do professor nas metodologias ativas?

Quando falamos das metodologias ativas, mencionamos que os alunos se tornam os protagonistas do seu próprio aprendizado, mas isso não significa que os professores ficam esquecidos.

Eles possuem um papel muito importante nesse processo de formação dos alunos. Os educadores são responsáveis por orientar os alunos para a criação desse conhecimento.

Nessa situação, o professor sai da posição de detentor de conhecimento e passa a ser o responsável por guiar os alunos. A ideia é que a organização hierárquica deixe de ser vertical e passe a ser horizontal, no qual todos compartilhem o conhecimento.

Como podemos aplicar as metodologias ativas?

Somente com a imersão nesse processo, os alunos conseguem internalizar e desenvolver essas habilidades desenvolvidas pelas metodologias ativas. Para implantar as metodologias ativas, precisamos pensar em como fazê-la no dia a dia dos estudantes.

Como forma de pensar em atividades para isso, fizemos uma lista com algumas sugestões:

  • atividades em grupo;

  • desenvolver o empreendedorismo;

  • incentivar o uso da criatividade;

  • inversão da lógica da sala de aula;

  • realização de leituras e debates;

  • uso da tecnologia.

Quando falamos em metodologias ativas na aprendizagem, precisamos focar em tirar o foco do professor e fazer com que o aluno tome esse lugar. A intenção é formar esses sujeitos que eles saibam como se posicionar dentro e fora das escolas.

Para incentivar os alunos a se tornarem esses sujeitos ativos, precisamos focar em implementar essas práticas na sua rotina até que eles façam parte do ecossistema estudantil.

Quer saber mais? Assista ao nosso webinar em que falamos sobre as metodologias ativas nas escolas.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Vivadi_logo-extenso-vermelho.png
Acompanhe pelas redes
  • Gris Icono de Instagram
  • Gris Icono de YouTube
  • Gris Facebook Icono

Rua Booker Pittman, 163

Morumbi, São Paulo – SP
CEP: 04711-030

+55 11 94925-5796

contato@vivadi.com.br